Rui rebate Bolsonaro sobre afirmação de uso da "pólvora” quando acabar diálogo com EUA: "Não é essa polêmica que o país precisa"

    A afirmação do presidente da República, Jair Bolsonaro (Sem Partido) na noite da última terça-feira, (8), de que “quando acabar a saliva, tem que ter pólvora”, para mais uma vez rebater o presidente dos EUA, Joe Biden, sobre uma frase dita no debate presidencial em setembro, acerca de apoio financeiro e possíveis sanções contra o país caso não interrompa o desmatamento, repercutiu de forma negativa na esfera política brasileira. 

    O norte-americano propôs formar uma coalizão internacional para transferir US$ 20 bilhões (cerca de R$ 115 bilhões) ao Brasil para a preservação da Amazônia.

    O governador Rui Costa utilizou uma rede social para criticar o presidente da República e afirmar que não é "esse tipo de polêmica" que o país precisa.   /Por: Dinaldo Silva BNews 

     

      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comentários:

    Post a Comment