Três mulheres são assassinadas no bairro de São Caetano em Salvador


     Três mulheres foram assassinadas e uma baleada no bairro de São Caetano, em Salvador, no último dia 30 e 31 de outubro. A onda de homicídios na localidade surpreendeu de uma forma expressiva na última semana, ao todo, seis pessoas morreram e duas foram atingidas em via pública, mas conseguiram resistir aos ferimentos dos disparos de arma de fogo. 


    Os dados correspondem ao período de 26 de outubro a 02 de novembro, de acordo com as informações do boletim diário da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA). Desde a última quarta-feira (28), a Polícia Militar intensificou as rondas por tempo indeterminado no bairro do Bom Juá e adjacências, contemplando também o bairro de Fazenda Grande do Retiro, no entanto, a ação dos criminosos nessa região não foi inibida. 

    Na segunda (26), André de Souza Pires Júnior e André da Hora Brandão foram atingidos na madrugada por disparos de autoria desconhecida. Três dias depois, o jovem Ruan Patrick Lima Batista, foi executado, conforme noticiado pelo BNews, os suspeitos tiraram uma foto dele antes de cometer o crime

    Já no dia seguinte, Maricarla Santos Vieira e Ana Carolina Oliveira Barbosa, foram surpreendidas quando saíram de um bar e criminosos atiraram contra elas. No domingo (01), Odalícia Moreira dos Santos e Juliana Araújo dos Santos estavam em via pública quando acusados alvejaram as vítimas. Juliana, no entanto, segue internada lutando pela sobrevivência.

    No feriado, terça (02), Daniel Bispo dos Alves também entrou na estatística de homicídios após ser baleado no bairro. 

    A motivação dos crimes será investigada pela Polícia Civil. 

    Leia também:

    Guerra do tráfico: Ônibus seguem circulando na Fazenda Grande e Castelo Branco, diz sindicato 

    Guerra do tráfico: Polícia Militar ocupa por tempo indeterminado três regiões de Salvador   / Por: Redação BNews

      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comentários:

    Post a Comment