Tribunal Especial decide nesta quinta se aceita pedido de impeachment de Witzel


     O futuro do governador afastado  do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC) pode ser definido nesta quinta (5). O Tribunal Especial Misto formado por parlamentares e desembargadores do Tribunal de Justiça carioca decide se a denúncia pedindo o impeachment do governador deve ser aceita. 

    O grupo é formado por cinco deputados estaduais e cinco desembargadores, que foram sorteados. A decisão sobre o recebimento da denúncia contra o governador afastado depende de maioria simples – ou seja, seis votos 

    Na sessão de hoje, a defesa de Witzel terá 15 minutos para expor os argumentos contrários ao recebimento da denúncia. O deputado Luiz Paulo (sem partido), um dos autores do pedido de impeachment, vai atuar como promotor e também terá 15 minutos para sustentar a acusação.
    Em seguida, o relator, Waldeck Carneiro (PT), anuncia seu voto, seguido dos outros membros do Tribunal Especial Misto.

    Com informações do G1

      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comentários:

    Post a Comment