Polícia investiga dono de restaurante que ofereceu churrasco grátis por um ano "para quem matar" João Doria


     A Polícia de São Paulo vai investigar o dono da churrascaria La Casa de Parrilla, Ricardo Sodate, por suposto crime de incitação ao crime. O restaurante fica localizado no tradicional bairro Vila Mariana, região nobre da capital paulista.

    O empresário colocou uma placa na frente do estabelecimento, oferecendo um ano de "churrasco grátis" para quem matasse o governador do estado, João Doria (PSDB).

    As informações são do colunista Lauro Jardim, do O Globo. / Por: Reprodução/Redes Sociais 

      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comentários:

    Post a Comment